Rolo de carne recheado

Tenho andado com vontade de reavivar receitas antigas, cheiros da cozinha das nossas avós. Trazer de volta os sabores que nos fazem lembrar a nossa meninice.

Para isso, ando a reler e anotar as receitas que mais me chamam a atenção nas revistas da Teleculinária do Chefe António Silva, esse que foi um marco da nossa cozinha tradicional. 
Há umas semanas vi um rolo de carne que ele aconselhava a rechear com ovo cozido e pickles... não ia ter grande sucesso por aqui, mas resolvi adaptar ao nosso gosto e saiu algo simplesmente maravilhoso. 





Rolo de Carne recheado

6 bifes de novilho finos bem espalmados (usei o meu martelo pela primeira vez)
queijo fundido fatiado qb
fiambre qb
1 embalagem de folhas de espinafres
sal, pimenta e mostarda qb
2 colheres de sopa de azeite
50 gr de margarina
1 chávena de chá de vinho branco
1 colher de sopa de molho inglês
fio culinário para atar






Estender os bifes na bancada, sobrepondo cada um por cerca de 3 cm. Temperar de sal e pimenta, barrar levemente com mostarda.

Cobrir com as fatias de fiambre, seguido das folhas de espinafres e cobrindo tudo com as fatias de queijo.

Enrolar o rolo no sentido do comprimento, pressionando ligeiramente para ficar um pouco firme.
Atar bem com o fio, fica mais seguro se atarmos e dermos um nó a cada volta (cada nó corresponde a uma fatia, ao cortar).

Derreter a margarina, juntar o azeite e esfregar bem o rolo com a mistura. Barrar com mais um pouco de mostarda e colocar o rolo num tabuleiro com as medidas muito aproximadas da peça de carne. 
Regar com o vinho e deixar a marinar um pouco.

Aquecer o forno a 180ºC e levar a assar, regando ocasionalmente com o vinho restante e o molho que se vai formando. Demora cerca de 30 a 40 minutos a ficar 'no ponto'.

Após retirar do forno juntar a colher de sopa de molho inglês aos sucos da carne que estão no tabuleiro e mexer bem para envolver.

Cortar com uma faca bem afiada sem remover os fios, para que a peça não corra o risco de se desfazer.

Aqui servi com batatas fritas e salada de alface com cebola. Ficámos clientes de mais uma sugestão vintage (embora que adaptada) do Chefe Silva

Comentários

  1. Humm já está na lista para um destes dias experimentar

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vale mesmo a pena Márcia, fica suculento e extremamente saboroso.

      Eliminar
  2. Muito bom! Como tudo o que sugere... Obrigada por partilharem as tuas experiências, para que possam se nossas também!

    ResponderEliminar
  3. Cada dia gosto mais deste blog! :))
    Obrigada pela partilha!

    ResponderEliminar

Publicar um comentário

Mensagens populares